Chamada 30 anos

Nesta sexta-feira, 30 de maio de 2014, o Centro de Treinamento Monte Horebe alcança a marca de 30 anos de prestação de serviços aos moradores da cidade de Itaperuçu/PR. Durante esses anos esta instituição trabalhou de forma ininterrupta, buscando interferir positivamente na história através de ações relevantes para o contexto local.

O Monte Horebe começou sua atuação em 1984. Chamamos porém a atenção para o período embrionário, quando o casal de canadenses Earl e Ruth Trekofiski dispuseram suas vidas para atender o chamado que Deus fez para ambos. Foram muitas lutas enfrentadas por eles, dificuldades que tomariam muitas linhas para ser descritas, mas, assim como houveram batalhas duras, também existiram vitórias extremamente significativas e é para elas que daremos ênfase.

O primeiro nome que recebeu foi Centro de Treinamento e Reintegração Social Monte Horebe. Fundado em Curitiba, o principal objetivo era atender crianças em situação de risco com foco em ações emergenciais. Foram criadas casa lar e casa abrigo para prestar socorro a órfãos. Além disso, eram ministrados cursos de corte e costura, artesanato, bordado, etc. Por consequência dos cursos foi criada uma escola. As mães que vinham para aprender nos cursos de corte e costura e bordado não tinham com quem deixar as crianças. Em princípio algumas meninas cuidaram dessas crianças e, não demorou muito para que a comunidade procurasse o Monte Horebe para deixar seus filhos na creche. A necessidade da comunidade deu início à escola que começou trabalhando com educação infantil apenas, mas, logo vieram as turmas de ensino fundamental, também solicitado pelos pais.

Hoje a instituição conta com clínica, onde dispõe de serviços na área de odontologia, fonoaudiologia, psicologia, fisioterapia e nutrição. Possui escola para alunos desde o berçário até o nono ano. Em relação à escola, a instituição conta ainda com a parceria com o Colégio SESI, para onde são recomendados alunos para o ensino médio, com o benefício de bolsas parciais de estudo. O Monte Horebe tem escola de informática, Escolinha de Futebol e uma chácara, onde são produzidas parte das hortaliças consumidas na instituição e onde há uma considerável área de preservação ambiental. Recentemente (há 8 anos), a instituição está desenvolvendo um projeto na comunidade do Caçador, com atividades voltadas para as áreas de saúde, educação e defesa de direitos. Em breve, será autorizado o funcionamento de uma escola regular na comunidade; o processo está tramitando no Núcleo Regional de Educação (NRE).

Nesse momento de celebração, não pode-se deixar de homenagear todos aqueles que dedicaram suas vidas para o desenvolvimento desta obra, mais uma vez, seriam muitas linhas a preencher, então você que está lendo esse artigo e que já atuou junto ao Monte Horebe, aceite a nossa sincera gratidão pelos seus serviços. Nas palavras de seu presidente e fundador Earl Trekofiski, “O Monte Horebe é como um grande motor, onde todas as peças são indispensáveis para que funcione bem”.

Queremos agradecer em especial a um casal que muito contribuiu com a instituição e que registrou seus nomes em nossa história, trata-se de Paulo Roberto (Bebeto) e Suely Araújo. Obrigado por sua dedicação de tantos anos a este trabalho. E para finalizar, obrigado a você colaborador, voluntário, cliente, doador, patrocinador, sócio, em fim, você que hoje está engajado, que está comprometido, que vê no Monte Horebe muito mais do que um local de trabalho, que enxerga essa instituição como um local para servir a Deus, pois aprendemos aqui que a forma mais prática de servir a Ele é servindo as pessoas.

Abel Furquim
Diretor Administrativo

Deixe um Comentário